Eu vou falar de IST´S e Doenças em geral :

Eu vou falar de IST´S e Doenças em geral :

– Já passamos as décadas, ou até os séculos, em que – hoje curáveis, algumas ISTS – matavam muitas pessoas ( Doenças ou vírus transmitidos pelo sexo – ou doenças que começam com um vírus). E na década de oitenta surgiu uma mortal. Na verdade um vírus, que em pouco tempo, gerava uma doença chamada AIDS ( SÍNDROME DA FALTA DE DEFESA NOS ORGANISMOS HUMANOS – Essa é a minha tradução! ). O seu organismo tinha suas células de defesa destruídas pelo vírus chamado de HIV e essa ausência de defesas ( Que todos temos – Não a ausência e sim, as defesas! ), ou poucas defesas contras doenças, fazia com que doenças simples, como uma gripe – logo se tornava uma pneumonia e a pessoa morria rapidamente. Naquela década pouco se sabia sobre este vírus e praticamente os diagnosticados tinham a sentença de morte decretada e duravam no máximo doze meses. Como hipocondríaco ( Alguém que tem medo ou pânico de doenças, mas, zero preconceitos e falta coragem para me tratar caso tenha qualquer uma!), vou escrever muito sobre doenças neste blogue baseado em estudos que faço via site confiáveis e livros visando desmistificar muitas tolices sobre doenças (escritas na internet por tolos), mas adianto não sou médico e sim um estudioso que busca não ser raso sobre o que fala ou escreve.

Vamos ao assunto : – Optei por falar da AIDS por que muitas pessoas, até os dias de hoje, não sabem que ter o vírus não é ter AIDS. AIDS é a doença ( Causada pela chamadas doenças oportunistas : Aquelas que se aproveitam da fraqueza do seu organismo para se defender). HIV é o vírus. Vírus este que, se descoberto precocemente, a pessoa pode iniciar os tratamentos tendo ou não carga viral elevada ou baixa – em números baixos (quantidade do vírus no sangue percebível nos exames – Quando ela não é percebível, após o diagnóstico, chama-se carga viral indetectável), e jamais a pessoa vai chegar a ter AIDS. O Brasil foi pioneiro nos estudos e tratamentos gratuitos oferecido aos pacientes infectados pelo vírus. Mas vivemos a era da retroação. Primeiro, faltam campanhas claras e objetivas ( Como acho que deveriam haver para todas as doenças) – já que o nosso sistema público é falido – graças aos incompetentes que colocamos para nos representar. Algo que ocorre nos Estados Unidos onde se esclarece bem sobre uma doença que pode atingir um grupo significativo da população por intermédio de um vírus.
HIV não é algo de um público específico tanto que nem vou citar ( Se quer citações, busque no GOOGLE têm muitas!).
– O que gostaria, é que você leitor, entendesse que: – Primeiro, use preservativos, já para este vírus o seu o principal meio de contaminação é o sexo sem proteção. Segundo, existem várias IST´S como Clamídia, Gonorreia, Sífilis, HEPATITES. Logo, se proteja. E faça a testagem ( O chamado teste). Se descobrir algo, não sofra, simplesmente procure um infectologista ou clínico geral e comece a se tratar. Não trate como o fim – e sim, como o seu recomeço. E claro, não banalize nada. Faça exames os chamados “checkups gerais” – eu entendo que todos devemos fazer, anualmente, em qualquer idade ( Obvio palavras de um hipocondríaco – Mas, sérias).

Abraçar, beijar, conviver no trabalho, mosquito que pica um soropositivo e pica você, nada disso passa HIV ( Pelo amor do santo CRISTO!). Mas preconceito, passa de pessoa pra pessoa mais rápido que vírus. E falta de informação então, é o cumulo do absurdo na era da internet.

Converse com os mais velhos, seus amigos, se cuide e nunca seja um preconceituoso – daquilo que não conhece. E mais umas informações: – Quem se trata hoje, vive tanto tempo quanto quem não tem o vírus. E quer mais? Se a carga do vírus se torna indetectável a pessoa não transmite este ( Mas repito, você que é jovem, adolescente, marido promíscuo ou que traí, esposa que traí ou seja lá o que for…Não banalize doenças sexuais! OK?). Na verdade nenhuma. Se cuide sempre.
Ei, e você que tem qualquer uma: – Se cuida (trate), pronto. Pare de se vitimizar.

Troque de médico, se o seu for mais pessimista que a Hiena do desenho da Hanna Barbera ( Busque no YOUTUBE, se não sabe do que estou falando, na verdade escrevendo).

E para finalizar sempre lute para viver até o último minuto dessa vida perfeitamente imperfeita. A vida é a nossa certeza de existência. Não seja fraco. Lute por ela. Você não escolhe nascer, mas, escolhe sobreviver. E percalços teremos ( Querendo ou não! ).
Esta com câncer? Lute e se trate. Com AIDS ? Lute e se trate. Com Hepatite? Se trate. Com qualquer outra doença? Se trate.

Ah…O médico disse que não tem mais esperança? Que vai morrer? Sua mente e a sua fé são os seus médicos agora, não desista. Mas acredite até o fim!!!!

Espero ter ajudado alguém!

Pense nisso!

Robson Nunes Autor

Foi professor acadêmico por mais de 4 (Quatro) anos - teve cerca 500 alunos. Suas palestras foram assistidas por mais de 30.000 ( trinta mil) pessoas. É autor do "Livro Capacitação Fiscal e Tributária". Também autor de poemas, crônicas e artigos. Escreve sobre contabilidade, finanças, política,economia e gestão de pessoas . Suas crônicas já foram publicadas em jornais de circulação nacional, revistas e outros blogs. Sua formação começa como Técnico em contabilidade, Bacharel em Letras, Bacharel em Contabilidade, duas pós graduações, mestrado, doutorado e vários cursos em áreas diversas. Hoje dedica-se a sua empresa de gestão de empresarial e tecnologia, ao seu Blogue: www.blogdorobson.com.br e ao canal Sementes Oficial no YOUTUBE - Em que fala sobre assuntos diversos ( De gestão de pessoas, finanças, motivação e outros). O objetivo do BLOGUE DO ROBSON é com uma abordagem moderna, simples e isenta de moralismo tratar sobre assuntos diversos mas tendo como base não a razão, e sim, o compartilhar de conhecimentos pessoais e imparciais. Alguns focos são: Gestão de pessoas, finanças, profissões, poemas, contos diversos, motivação e assuntos gerais( Nada com extrema profundidade e nem raso que não possa plantar uma semente no seu pensamento sobre o assunto). Afinal, saber o que realmente importa sobre variados temas ou mesmo se entreter é o que torna uma pessoa capaz de gerenciar sua própria vida e interesse pelo conhecimento. Seja bem vindo (a) ao BLOGUE DO ROBSON. Se gostou divulgue! E compartilhe!